Série de Mulher – Vendetta, Vendetta!

Como já anunciou nossa Garota de Vênus – Anne – estamos voltando aos poucos nesse novo ano par. Eu adoro anos pares, eles costumam fluir para mim. Superstição? Talvez. Cada louco com sua mania.

Para minha estréia nas postagens no novo ciclo de Genialidades de Vênus, vim trazer uma série que normalmente eu não vejo. Série de mulher! Revenge veio ao meu conhecimento por algumas pessoas com gostos duvidosos, então não dei muita confiança. Como sou assinante do Netflix ela novamente me chamou atenção por vê-la na lista deles. Na verdade o que me fez ter vontade de ver mesmo foi a capa de apresentação dessa série. Me lembrou Cisne Negro do Darren Aronosfsky.  Só lembrou.

revenge-712x264

    Como previsto, a série não tem nada de especial, fantástico ou único. Pra ser sincera seu roteiro é completamente supérfluo, dramático, previsível e novelístico. É como ver uma novela da Rede Globo sem a mensagem social  forçada. Um alívio nesse quesito. Além disso, os personagens são rasos, não nos importamos com nenhum deles e certas carinhas chegam a nos irritar pra valer. Exceto o Nolan… 

Então porque eu estou falando dessa série se acho ela tão ruim?

A partir dela me veio a concepção de uma sequência de postagens interessantes que quero criar esse ano, de obras que giram em torno da doce Vingança!  Revenge é divertida porque tem esse tema fácil para prender o telespectador numa história sem grandes atrativos.

hqdefault

Se você não sabe ao que essa imagem dos Simpsons remete, vá rever seus conceitos de vida!

Confesso que nunca vi um capítulo de Revenge sem estar fazendo outra coisa, tipo escrevendo esse post. Então para eu aturar o drama de botequim e as frases de “super efeito” da protagonista Amanda Clarke no início e fim de cada episódio, tenho de estar dividindo a atenção.

Se  ainda não conhece a série e ficou desanimado com minha campanha desmotivadora, leia a sinopse  e se dê uma chance naquele dia bem tedioso.Ela não é tão ruim quanto aparenta, só não esqueça: É série de mulherzinha!

Sinopse Made in Wikipédia (mas é isso mesmo):

” Emily Thorne, cujo verdadeiro nome é Amanda Clarke, volta aos Hamptons para se vingar das pessoas que destruíram sua família e causaram a morte de seu pai. Quando Amanda era criança seu pai foi preso acusado injustamente de terrorismo, sendo julgado e condenado a prisão, onde acabou morrendo. Amanda sente que teve a vida destruída por essas pessoas que armaram contra seu pai, fazendo com que ela passasse sua infância na detenção juvenil. Quando completou 18 anos, ela foi solta e recebeu a herança de seu pai, além de uma caixa contendo detalhes sobre as pessoas que destruíram a vida deles, assim muda seu nome e resolve se vingar de cada um deles”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s