Porque Amamos os Gatos

gatinho

“Gato que brincas na rua

Como se fosse na cama,

Invejo a sorte que é tua

Porque nem sorte se chama.

Bom servo das leis fatais

Que regem pedras e gentes,

Que tens instintos gerais

E sentes só o que sentes.

És feliz porque és assim,

Todo o nada que és é teu.

Eu vejo-me e estou sem mim,

Conheço-me e não sou eu.”

Fernando Pessoa

Xica curtindo a página da GdVnus no Facebook. Gatinha da Andye.

Xica curtindo a página da GdVnus no Facebook. Gatinha da Andye.

E assim são os gatos, independentes, misteriosos e fascinantes. E os mesmos atributos tão admirados pelos amantes dos felinos viram argumentos frívolos na boca de quem não convive com esses animais.

Por muitas vezes entrei em discussões a cerca dos preconceitos que giram em torno dos gatos com pessoas que jamais tiveram um.

É algo incômodo de se escutar “gatos são traiçoeiros”, “só gostam do lar”, “não ligam para o dono”, e tantos outros julgamentos preconceituosos.

Wicca, provavelmente parente da Xica, tentando tirar uma soneca. Gata da Van Vet.

Wicca, provavelmente parente da Xica, tentando tirar uma soneca. Gatinha da Van Vet.

É importante sabermos que gatos não são cães pequenos. Pertencentes a outra espécie e outros trejeitos, jamais deveriam ser comparados aos canídeos somente por serem quadrúpedes de estimação.

A verdade é que só quem tem gato sabe o quão carinhoso e apegado aos donos eles são. Possuem personalidades próprias e nos escutam, nos sentem, com seus incríveis instintos.

Vale a pena a companhia enigmática e elegante de um gato. A beleza de vê-los, da convivência, da comunhão com suas alminhas tão sábias de meditação.

Anúncios

2 comentários sobre “Porque Amamos os Gatos

  1. Tati disse:

    Eu simplesmente ADOREI esse post… Desde pequena, sempre fui uma pessoa que curte mais gatos do que cães, embora tenha tido um período em que tive medo desses felpudos. Depois de muitos anos com medo, foi a gata de uma amiga que me fez ver o quão infundado era aquilo tudo e meu amor por eles cresceu ainda mais!
    Depois que adotei a larica, minha gata, pude ter certeza de que o preconceito com esses animais é tão infundado quanto meu medo de anos atrás. Gatos são animais independentes sim, mas isso não quer dizer que não sejam carinhosos e amorosos com seus donos. Precisam de carinho e cuidado e nos dão tudo que oferecemos em dobro.
    São animais fascinantes e extremamente apaixonantes, não sei o que seria de mim sem Larica pra miar no meu rosto de manhã me oferecendo seus ratinhos de brinquedo ou me recebendo na porta de casa e me perseguindo pela casa o dia inteiro…
    Amo esses animais ronronantes felpudos! ❤

    • VanVet disse:

      Isso mesmo, Tati! Minha experiência foi parecida. Numa casa aonde tudo mundo só gostava de cachorros, eis que um dia surge uma família de gatinhos para eu cuidar. Quase dez anos depois, ficaram minhas duas filhas das quais não tenho como viver sem. Sem contar que gato da menos trabalho..kkk

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s