Cinquenta Tons de Liberdade – Resenha

untitledTítulo: Cinquenta Tons de Liberdade

Autor: E. L. James

Tradução: Adalgisa Campos da Silva

Editora: Intrínseca

Nº de páginas: 544

Nota: 1/5

“Você fez meu mundo virar de cabeça pra baixo” – Ele fecha os olhos e quando os abre novamente, vejo que estão tomados pela emoção – “Meu mundo era organizado,calmo e controlado. Aí você entrou na minha vida, com essa sua boca afiada, a sua inocência, a sua beleza e a sua coragem discreta… E todo o resto, tudo antes de você, simplesmente ficou bobo, vazio, medíocre… Nada! Eu me apaixonei” – sussurra ele.”

Continuar lendo

Cinquenta Tons Mais Escuros – Resenha

downloadTítulo: Cinquenta Tons Mais Escuros

Autor: E. L. James

Tradução: Adalgisa Campos da Silva

Editora: Intrínseca

Nº de páginas: 512

Nota: 2/5

Ele pega a minha mão e me puxa para um abraço, que eu aceito de bom grado, meu lugar favorito no mundo inteiro.

Continuar lendo

Cinquenta Tons de Cinza – Resenha

untitledTítulo: Cinquenta Tons de Cinza

Autor: E. L. James

Tradução: Adalgisa Campos da Silva

Editora: Intrínseca

Nº de páginas: 480

Nota: 3/5

Eu imediatamente obedeço, sentindo como se eu estivesse saindo do meu  corpo,  uma observadora  casual  dos  acontecimentos à medida  que se desenrolam em torno de mim. Isto está além de fascinante, além de erótico. É singularmente a coisa mais excitante e assustadora que eu já fiz. Eu estou confiando-me a um  homem  bonito  que,  por  sua própria admissão,  é cinquenta  sombras  ruins.  Eu  suprimo  a  excitação  breve  do  medo.

Continuar lendo

A Máscara de Atreu – Resenha

886222_548

Título: A Máscara de Atreu

Autor: A. J. Hartley

Tradução: Rosana Teles

Editora: Landscape

Nº de páginas: 344

Nota: 4/5

Um assassinato e uma valiosa coleção de artefatos micênicos roubados do Museu Nacional de Arqueologia de Atenas são descobertos pela curadora Deborah Miller, que se envolve num perigoso jogo de investigações. Depois de encontrar o corpo do fundador do museu de arqueologia de Atlanta, EUA, numa parede secreta, a curadora resolve investigar o caso paralelamente à polícia e se envolve numa caçada cheia de mistérios e descobertas estranhas.

Continuar lendo

E Viveram Felizes para Sempre… Não, não!

A-Mulher-de-Preto-1Interessante como somos voltados a esperar que o bem sempre triunfe no final. Esses dias estava vendo um filme – A Mulher de Preto – com minha cunhada e mãe e foi interessante a revolta de ambas ao final do filme por não ser aquilo que as duas esperavam.

Isso me fez pensar porque temos a tendência a esperar pelos finais felizes sempre e acho que isso se deve ao fato de vivermos em uma sociedade sem muitos finais felizes, e desta forma acabamos idealizando um final diferente daquele que somos obrigados a ver.

 Não sou uma garota romântica demais, embora admita que o romantismo está presente, mas sou acostumada com dificuldades, com erros e preocupações e talvez isto me amortize para finais não tão felizes como os que tendemos a esperar em filmes e livros (CONTÊM SPOILER). Continuar lendo

Clichê, Ser ou não ser?

 461_327498064050373_800899021_n

Clichê, Ser ou não ser?

 

 

Não gosto muito de clichês. Na verdade, eu estou tão acostumada com os clichês, tenho bastante intimidade com eles, que isso me torna uma especialista, talvez. Alguns clichês servem para nos encantar. Mostrar um mundo em que as coisas são exatamente da forma que queremos, como o clímax de um filme, nos passa a imagem de que no fim, tudo vai dar certo. Outros, se não deixados no básico clichê, nos deixa extremamente irritados. A verdade é que o que seriamos de nós sem alguns clichês?

Continuar lendo